Acredito em um único e Misericordioso Deus!

19 de abril de 2009

Criador de tudo e de todos… o responsável pela detonação do Big Bang!
Acredito que ele é infinitamente bom….tanto que nenhum de nós é capaz de mensurar sua bondade e sabedoria.
E tenho certeza que EU não posso julgar NINGUÉM pela religião que professa…. julgar, eu já não posso mesmo, porque só Deus julga…mas taxar, rotular…
Frequentei 8 anos a Igreja Batista e não me esqueço de um dia em que uma irmã mais idosa foi reclamar com o pastor da postura dos adolescentes da igreja, ela fez isso no meio do culto de domingo de manhã e o que me marcou foram as palavras do pastor: “Irmã, se você acha que há algo de errado na postura desses adolescentes, ponha seus joelhos no chão e peça a Deus que os guie para o caminho certo. Mas lembre-se que o caminho certo, só Deus sabe!”.
Essa colocação do pastor me marcou e procuro aplicar isso no meu dia-a-dia… Mas eu sou uma mulher com muitas falhas e ainda não sou evoluída o suficiente pra dizer que consigo fazê-lo…hoje, infelizmente, geralmente julgo a pessoa no meu pensamento e algumas vezes tenho auto-controle suficiente para me dominar e refrear minha língua e emitir uma prece para que Deus oriente àquela pessoa e eu.
Por que escrever isso? Porque estou a séculos tomando coragem pra escrever sobre uma coisa que não tolero….INTOLERÂNCIA!!! De qualquer natureza!!! E a intolerância religiosa é a que me incomoda mais, dói mais fundo…
Talvez por ser fruto de uma miscelânea impossível de classificar… Sou neta de judeus (homens, por isso não sou judia), fui criada por uma avó católica, meu pai é agnóstico, e minha mãe é espírita! Tenho índios em algum lugar no passado e sabe Deus o que mais. Meus pais me criaram nessa miscelânea, me estimulando a questionar e estudar, sempre me pediram para que eu não rotulasse nenhuma religião por uma experiência negativa ou por um mau exemplo de um fiel. Toda vez que eu perguntava sobre alguma religião eles me davam uma linha geral e imagino a força que faziam para não julgar, me orientando a procurar livros sérios e líderes espirituais.

Já bati em muita porta, já questionei muito, sabatinei muita gente e ao contrário do que pode parecer, isso só aumentou a minha fé na existência de um único e maravilhoso Deus.

Não acho que as conclusões em que eu cheguei devem servir de parâmetro pra ninguém… Servem apenas para que eu mesma peça a Deus que me oriente, pois ser questionadora põe a gente em cheque várias vezes, é mais fácil aceitar e pronto…Mas infelizmente minha cabecinha só aceita a frase ” É assim porque Deus quis!” em duas situações: o Big Bang e algumas equações matemáticas que depois de 8 anos em um curso de Engenharia, só Deus pra provar a coerência.

E quando eu acho que está tudo calmo… Deus me põe mais uma vez a prova, me ensina mais e mais, inclusive colocando na minha vida um muçulmano (Graças a Deus!).

Esse assunto vai longe e eu v0u procurar seguir divagando e dividindo o que eu sinto e penso…

Mas pra quem precisa de uma explicação, e ainda não a obteve lendo o blog, se é preciso um rótulo eu sou Espiritualista…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s